Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.

Caldo verde: uma sopa portuguesa de dar água na boca

As noites frias pedem mais que um cobertor, um caldo bem quentinho faz toda a diferença

No friozinho, que tal um delicioso Caldo Verde? Essa sopa de origem portuguesa é uma verdadeira carta na manga para os dias de frio. Rápido e fácil de fazer, em pouco mais de meia hora você terá um alimento nutritivo e delicioso na mesa.

Os ingredientes usados no preparo dessa receita fazem muito bem à saúde. Um deles é a vitamina C, encontrada especialmente na couve e na batata, muito importante para essas estações do ano em que os resfriados e as gripes atacam.


Origem e curiosidades do caldo verde

O caldo verde é uma sopa “portuguesa com certeza”. A receita teria tido sua origem lá no norte de Portugal – mais precisamente na Província do Minho. E com todo o seu sabor e riqueza de nutrientes, se espalhou pelo mundo, fazendo muito sucesso no Brasil, para onde foi trazido pelas comunidades portuguesas que aqui se instalaram.

Contam os historiadores que para saciar a fome da população, os lavradores pegavam os vegetais mais populares da época para fazer caldos. E saciedade é uma das explicações dadas para o fato de algumas pessoas manterem o Caldo Verde na dieta quando querem perder peso. Afinal, uma pessoa que se sente mais saciada não vai ficar procurando comidas para beliscar durante a noite.

Uma novidade sobre o caldo verde é que, recentemente, em março de 2021, ele foi eleito como uma das 20 melhores sopas do mundo. Quem o colocou nessa lista diferenciada foi a CNN Travel, na edição de viagens da cadeia televisiva norte-americana. Na publicação, a sopa foi citada como "uma estrela da culinária portuguesa". A fama internacional do prato é um incentivo a mais para investir nessa receita, não acha?


Aprenda a Fazer um Caldo Verde simples e prático

Agora que você já conhece um pouco da história do Caldo Verde, vai ficar feliz de saber que esse prato tradicionalíssimo é simples e fácil de preparar. Até quem tem pouca intimidade com a culinária vai deixar esse prato super gostoso. Aliás, um incentivo para se lançar à cozinha é saber que essa sopa também pode aparecer à mesa numa ocasião muito romântica: imagine só fazer um caldo verde para degustar com seu amor numa noite fria.

Ingredientes

  • 200 g de linguiça portuguesa ou paio cortado em rodelas finas (e depois cortados ao meio)
  • 1 colher (sopa) de azeite
  • 1 cebola média picada
  • 6 xícaras (chá) de água quente
  • 1 folha de louro
  • 2 tabletes de Maggi Caldo Bacon
  • 500 g de batatas descascadas e cortadas em cubos
  • 1 colher (chá) de orégano
  • meio maço de couve-manteiga cortada bem fininho
  • 3 colheres (sopa) de cebolinha-verde picada

Modo de preparo

  • Aqueça uma frigideira e coloque as rodelas de linguiça.
  • Refogue até dourar levemente. Escorra o excesso de óleo e reserve.
  • Em uma panela grande, aqueça o azeite e refogue a cebola.
  • Acrescente a água quente, a folha de louro e os tabletes de MAGGI Caldo e mexa bem para dissolvê-los.
  • Coloque as batatas e cozinhe por cerca de 20 minutos, ou até que estejam macias.
  • Retire-as com uma escumadeira, amasse com um garfo e retorne para a panela.
  • Coloque o orégano, a couve, a linguiça reservada e cozinhe por cerca de 10 minutos ou até que a couve esteja macia.
  • Polvilhe a cebolinha verde e sirva a seguir.

Dica: Se você quiser dar uma incrementada no seu Caldo Verde, pode adicionar alho e pimenta-do-reino E se quiser uma receita ainda mais nutritiva, que tal experimentar o nosso Caldo Verde Nutren Senior.


Benefícios do Caldo Verde 

Os ingredientes básicos do caldo verde são a couve, a batata, a cebolinha e o louro. Eles são os principais responsáveis por fazer dessa sopa portuguesa uma fonte de vitaminas, sais minerais e carboidratos. Essa junção é sinônimo de saúde e um motivo fortíssimo para ter a sopa sempre presente nas noites frias.


Acompanhamentos para Caldo Verde

O caldo verde pede um acompanhamento, e o mais tradicional dentre eles é a torrada. Com pão envelhecido, italiano ou de forma, é possível fazer algumas variações de torradas e saborear junto com a sopa portuguesa. Ah, um vinho tinto também cai muito bem!

Torradas com Tomate: as torradas são uma ótima opção para acompanhar o caldo verde. Além disso, é muito simples de fazer. Você pode pegar aquele pão envelhecido no armário e colocar no forno enquanto prepara a receita do caldo.

Bruschetta Fondor: também é um tipo de torrada, porém feita com pão italiano e azeite. O Caldo Verde fica ainda mais saboroso quando degustado com esse acompanhamento.

Croutons: não se assuste com o nome chique. Os croutons são apenas pães de forma picados em quadradinhos. Outra ótima opção para acompanhar o Caldo Verde.

Vinho: saboreie o caldo verde com uma boa taça de vinho tinto português, ou qualquer outro tipo que você tenha em casa.


Como conservar ervas frescas para usar na cozinha

Existem algumas formas de você manter as ervas sempre fresquinhas para usar no seu Caldo Verde. Elas podem ser guardadas inteiras ou picadas.

  • Se for guardar inteiras, coloque as ervas bem sequinhas em um pote, cubra com papel-toalha e tampe. O toque especial dessa dica é: guarde o pote no freezer com a tampa virada para baixo.
  • Para armazenar as ervas picadas, coloque-as em forminhas de gelo e cubra com água. Leve para congelar.

Com essas dicas, o seu Caldo Verde vai ser sucesso e você ganha tempo na hora de preparar. Por fim, se este texto te deixou com vontade de conhecer mais sopas, Receitas Nestlé tem uma seção inteira dedicada às sopas, com receitas para todos os paladares. Ah, confira também o nosso Especial Sopas e Caldos, com receitas certeiras para te aquecer (e alimentar) no inverno e sempre que der vontade de uma sopinha, por que não?


Perguntas frequentes

  • Posso congelar caldo verde?

    É melhor não. As batatas adicionadas à receita, depois de descongeladas, ficam com textura estranha e podem soltar muita água, e isso vai interferir no sabor do caldo verde.

  • Como fazer caldo verde para várias pessoas?

    Duplique ou triplique os ingredientes da receita. Mas fique atento ao tempo de cozimento e escolha uma panela com tamanho suficiente para caber toda a receita.

  • Qual vinho combina com caldo verde?

    Um vinho tinto português é uma ótima opção. Contudo, sirva-se do vinho que você tiver em casa.


Fontes:

https://www.healthline.com/nutrition/is-soup-healthy

https://en.wikipedia.org/wiki/Caldo_verde

https://ominho.pt/cnn-poe-caldo-verde-do-minho-entre-as-20-melhores-sopas-do-mundo-e-vinho-verde-a-acompanhar/

https://www.unimed.coop.br/web/cascavel/medicina-preventiva/espaco-saude/couve#:~:text=A%20couve%20%C3%A9%20rica%20em,facilitar%20a%20absor%C3%A7%C3%A3o%20de%20ferro

https://www.ecycle.com.br/1804-couve.html

https://www.embrapa.br/hortalicas/batata/composicao-nutricional

https://www.ecycle.com.br/6664-cebolinha.html

https://www.ecycle.com.br/6996-cha-de-louro.html

pixel

Quer baixar ebooks exclusivos com deliciosas receitas?