Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.

Chá de graviola: digestão em dia!

Descubra curiosidades e utilidades do chá feito com a folha da planta tropical

PUBLICADO: 10/05/2021

A refrescância da graviola, fruto originário das Antilhas, no Caribe, ainda não é apreciada por todo o Brasil. Mas, quem vive no Norte e no Nordeste conhece muito bem a fruta, que possui polpa leitosa, proporcionando deliciosos sucos e sorvetes.

E você? Conhece o chá de graviola? O preparo é pouco conhecido, mas está repleto de nutrientes. Está curioso para saber mais sobre isso? A gente conta tudo pra você!


Para que serve o chá de graviola?

O chá de graviola tem algumas outras propriedades muito benéficas à saúde, como auxílio na redução do colesterol, prevenção de doenças do coração, diabetes, reumatismo, infecções, pressão alta, cãibras, entre outras.

Ele costuma ser utilizado para auxiliar no tratamento de doenças digestivas como prisão de ventre, diarréias, úlceras e gastrite, pois a graviola possui efeito anti-inflamatório que ajuda a diminuir a dor causada por essas doenças.

Além dos benefícios digestivos, a graviola também é conhecida por retardar o envelhecimento da pele e auxiliar na prevenção contra as rugas.


Curiosidades sobre a Graviola

Sabe aquele caroço da maçã que a gente não come? A graviola também tem! A diferença é que a graviola é uma das poucas frutas que pode ter todas as partes utilizadas, mesmo que para diferentes funções. As folhas da graviola, a polpa e a casca são, geralmente, usadas para chás, sorvetes, smoothies e doces; enquanto os caroços podem ser esmagados e usados como vermífugos.

Outra curiosidade sobre a graviola é que ela é utilizada para a produção de suplementos. Atualmente, são vendidas cápsulas de graviola que exploram a vitamina C da fruta e suas propriedades antioxidantes, a fim de melhorar o funcionamento do sistema imunológico do corpo e ajudar na saúde do seu organismo.


Como preparar o chá de graviola?

1. Aqueça 1 litro de água filtrada até formar bolhas, sem ferver;
2. Acrescente 15 folhas de graviola;
3. Tampe o recipiente e deixe em infusão por 15 minutos;
4. Coe e sirva


Contraindicações do chá de graviola

Assim como outros alimentos, a graviola também possui suas contraindicações. Pessoas com problemas de pressão baixa devem estar atentos ao consumir a fruta, uma vez que ela ajuda a diminuir a pressão. Quem possui qualquer tipo de doença bucal, como aftas ou caxumba (que é uma infecção nas glândulas salivares), por exemplo, também deve evitar a fruta – pois, como ela possui acidez, pode causar dor.


Chá de graviola ajuda no tratamento contra o câncer?

Existe uma discussão ampla sobre o assunto. Enquanto uma parcela de especialistas aponta que a graviola possui vários ingredientes ativos conhecidos como acetogeninas, que podem atacar e combater células malignas de vários tipos de câncer – incluindo de mama, ovário, cólon, fígado, pulmão, pâncreas e linfomas –, outros alertam para que o chá não deve substituir nenhum tratamento.

Existe, inclusive, uma contraindicação: ela deve ser evitada por quem está em quimioterapia, pois pode prejudicar o tratamento. Durante o tratamento, algumas substâncias do chá podem ser tóxicas para rins e fígado, e comprometer a absorção e eficácia dos medicamentos. Siga estritamente as orientações da equipe médica e não consuma chá de graviola nem tampouco suplementos sem informar os profissionais que o acompanham.

No geral, porém, como a gente viu, o chá de graviola é uma opção de chá que faz bem para quem quer experimentar coisas diferentes. Além, claro, de ser muito gostoso.

Para outras receitas e dicas culinárias, navegue pelo site Receitas Nestlé e se surpreenda! São mais de 4000 sugestões de pratos, sobremesas, bebidas, acompanhamentos e muito mais! Ah, e você também pode salvar as suas receitas favoritas em uma foodlist personalizada!


Perguntas frequentes

  • Quem tem gastrite pode tomar chá de graviola?

    Sim! A graviola tem grande eficácia no alívio das dores, devido às suas propriedades anti-inflamatórias, que ajudam no tratamento da gastrite.

  • Porque o chá de graviola não pode ser consumido por gestantes?

    É sempre válido consultar um médico para analisar sua situação e o seu organismo; mas geralmente o consumo do chá é contraindicado para gestantes.

  • Como posso consumir a graviola sem ser no chá?

    A graviola pode ser consumida pura e em sucos; mas também se pode extrair seu óleo para uso em peles ressecadas, como hidratante e renovador, além de ser eficaz para a prevenção de rugas e do envelhecimento da pele.

  • Deve-se tomar chá de graviola quente ou gelado?

    Especialistas lembram que o chá perde as propriedades quando está gelado – vira um refresco. Portanto, recomenda-se o consumo ainda quente. Mas gelado, o chá é uma ótima bebida.

  • Como ativar as propriedades do chá de graviola?

    Sempre infusionar as folhas frescas em água fervida, nunca fervê-las junto com a água.


Fontes:

https://revista.abrale.org.br/graviola-contra-o-cancer/

http://www.timescaribbeanonline.com/how-to-make-soursop-tea-and-how-to-use-the-leaves-to-kill-cancer-cells-1000-times-stronger-than-chemo/

https://cidadeverde.com/noticias/271129/cha-da-folha-da-graviola-ajuda-a-emagrecer-trata-retencao-de-liquido-e-regula-o-intestino