Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.

Molho rosê: como fazer e em quais receitas usar!

Da salada, passando pelos aperitivos e indo até as massas, o molho rosê combina com quase tudo. Saiba como fazer!

Saladas, aperitivos... Não importa o prato, é bem provável que ele vá ficar mais saboroso com molho rosê. Simples e rápido de preparar, o molho rosê pode estar presente tanto no dia a dia como em ocasiões muito especiais. E, com certeza, vai agradar até os paladares mais refinados.

Saber preparar e quando usar essa delícia pode ajudar você a incrementar seus pratos e impressionar sua família e amigos. Quer saber mais? Receitas Nestlé explica tudo!


Como fazer molho rosê caseiro

Um dos encantos desse molho, além do sabor, é a simplicidade no preparo. Ele fica pronto bem rápido e requer poucos ingredientes. Veja o passo a passo de como fazer Molho Rosê caseiro:

Ingredientes

  • 1 lata de creme de leite (ou, se preferir, de maionese)
  • 4 colheres (sopa) de ketchup (que pode ser ketchup caseiro)
  • 1 pitada de sal
  • 1 colher (sopa) de mostarda
  • 1 colher (chá) de molho inglês
  • 2 colheres (sopa) de salsa picada

Modo de preparo Em um recipiente, misture todos os ingredientes até ficar homogêneo e sirva sobre as saladas. O creme de leite garante o ponto certo da textura, nem muito líquido, nem muito pastoso.


Variações da receita: libere a criatividade

Como o molho rosê tem um sabor delicado, sempre dá para acrescentar algum outro ingrediente e dar um toque diferente e surpreendente à receita. Claro, sem exageros para não descaracterizar o molho.

Para começar, uma colher de suco de limão pode cair bem, sobretudo se a ideia é usar o molho para temperar saladas. Para quem curte pratos mais picantes e aromáticos, por exemplo, dá para acrescentar um pouco de noz moscada à mistura, ou até mesmo um pouco de pimenta. Já os fãs da cozinha oriental podem substituir o molho inglês por shoyu.

Uma variação sem ketchup e molho inglês Quando o tempo é curto, mas a vontade de molho rosê é grande, você pode seguir uma receita que não usa ketchup, nem molho inglês. Sim, é possível. Basta uma caixinha de Creme de Leite NESTLÉ®, dois sachês de MAGGI® Natusabor® Tomate Suculentos com Ervas, uma pitada de açúcar e meia colher (sopa) de mostarda. Aí é só juntar todos os ingredientes em um recipiente, misturar bem até o molho ficar mistura homogêneo e pronto!


Curiosidades sobre o molho rosê

O molho rosê é bastante querido pelo mundo e, por isso, muita gente disputa a honra de ser considerado seu criador. Argentinos dizem que a mistura da maionese com ketchup, molho inglês, suco de limão, sal e pimenta, nasceu no país, na década de 1920. Mas, há controvérsias.

Os ingleses, por exemplo, afirmam que o molho rosê veio do seu típico molho Gloucester, que também leva molho inglês (claro). Logo depois vieram os americanos, que também reclamaram a criação dessa receita. Eles alegam que o molho nasceu no seu país, em 1948, para acompanhar o shrimps cocktail, um petisco com camarões.


Molho rosê combina com...

Massas Lasanha, macarrão e panquecas: as massas são pratos que casam muito bem com o nosso molho. Separamos cinco receitas para você experimentar trocar o molho branco pelo molho rosê.


Saladas As saladas também ganham muito com um molho rosê fresquinho. Ele pode acompanhar, por exemplo:


Salgadinhos Poucas coisas combinam mais com um happy hour do que batata frita bem sequinha. O que pouca gente sabe, porém, é que pouca coisa combina tão bem com uma porção de fritas como o molho rosê.

Parece que quem descobriu esse casamento foram os irlandeses, que talvez estivessem um pouco cansados de sempre usar mostarda e ketchup.

Mas não precisamos parar na batata frita, muitos salgadinhos ficam ótimos quando mergulhados no rosê: Coxinha, Bolinhas de queijo, Salgadinho de queijo, Salgadinho delicado, e muitos outros.

Gostou das dicas sobre molho rosê? Então navegue pelo site Receitas Nestlé para se aventurar nas mais de 4 mil receitas, todas elaboradas e testadas por nossos culinaristas. Você encontra sugestões para pratos principais, acompanhamentos, sobremesas, bebidas, dicas e muito mais!


Perguntas frequentes

  • Posso congelar molho rosê?

    Sim, mas atenção à data de validade. Coloque o molho rosê em uma vasilha com tampa e, de preferência, etiquetado com a data da produção. Na geladeira, ele pode ficar até cinco dias. No congelador esse tempo passa para 30 dias. Se ficar no freezer, a validade sobe para 3 meses.

  • Como descongelar o molho rosê?

    Tire do congelador ou do freezer e deixe na geladeira até que ele descongele e fique pronto para ser consumido. E, sim, ele pode ser consumido geladinho.

  • Posso usar maionese no molho rosê?

    Pode! E se puder, aposte na maionese caseira e saudável.


Fontes:

https://www.receiteria.com.br/receitas-de-molho-rose/

https://www.nestle.com.br/marcas/nestle/creme-de-leite-nestle-tradicional

https://escola.britannica.com.br/artigo/noz-moscada/626095

https://www.artigonal.com.br/culinaria-a-origem-da-lasanha/

https://www.thefools.com.br/blog/post/historia-da-panqueca-history-pancakes

https://pt.wikipedia.org/wiki/Batata_frita

https://doutorgourmet.com/2012/10/21/molho-rose-o-classico-de-todos-os-molhos-tem-origem-incerta-e-muitas-calorias-mas-e-delicioso/#:~:text=Os%20Argentinos%20citam%20um%20m%C3%A9dico,partir%20desse%20momento%2C%20nos%20idos

https://en.wikipedia.org/wiki/Marie_Rose_sauce

pixel

Quer baixar ebooks exclusivos com deliciosas receitas?