Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.

Quibe: 13 receitas desse clássico árabe

Frito, assado ou cru, os quibes são sempre uma delícia! Quer aprender a fazer 13 receitas diferentes desse prato? Então não deixe de conferir este artigo!

O quibe é uma comida de origem árabe feita de uma combinação de farinha de triguilho e carne bovina. A princípio, o prato era mais consumido pela população menos favorecida do Mediterrâneo, visto que a mistura era feita para render a carne. Contudo, o sabor foi tão arrebatador que conquistou a todos, fazendo com que, assim como o tabule e a coalhada seca, o quibe se tornasse uma comida típica daquela região.

O prato chegou ao Brasil com os imigrantes libaneses, que trouxeram a receita e a popularizaram primeiro nas regiões Sul e Sudeste. Mas não demorou muito tempo para que a receita conquistasse todo o país, de modo que, hoje em dia, é possível encontrar a iguaria em qualquer região do Brasil. Como não poderia ser diferente, nós tratamos de abrasileirar a receita. Agora, além da receita de quibe original, nós temos uma variedade deliciosa. Se você quer aprender a preparar o quibe em casa e conhecer novas versões desse prato delicioso, é só conferir a nossa lista de receitas!


Receitas de Quibe

Receitas de Quibe: Kibe de Carne com Aveia

1. Quibe Frito: não poderíamos deixar de iniciar a nossa lista de receitas de quibe sem começar pela receita de quibe frito, a mais tradicional. Nesse preparo, a carne vem em dose dupla: está presente na massa e no recheio. Para incrementar o sabor e ajudar a dar a liga, a receita ganha um toque de folhas de hortelã e Creme de Cebola MAGGI.
2. Quibe frito com Queijo: o modo de preparo da massa dessa receita de quibe é o mesmo da anterior. A diferença, que complementa o sabor, está no recheio. Em vez de carne, o quibe é recheado com uma quantidade generosa de queijo muçarela ralado.
3. Quibe Cru: essa é uma versão da receita de quibe que não vai ao fogo. Muito saboroso, o quibe cru costuma agradar paladares exigentes! Para uma refeição ainda mais tradicional, considere acompanhar o seu quibe com pão sírio e coalhada seca. Uma boa salada de folhas também é uma ótima pedida!
4. Quibe Assado: para quem aprecia o sabor do quibe, mas não gosta de frituras, o quibe assado é uma opção deliciosa! Ele é tão simples de fazer quanto as outras receitas de quibe, a única diferença é que o preparo deve ser finalizado no forno. Para realçar o sabor do prato, considere acompanhá-lo de uma salada fresca ou de um molho vinagrete.
5. Quibe Assado com Carne Cremosa: nessa receita, o tradicional quibe assado ganha um recheio cremoso de carne bovina. Para isso, é só seguir os passos do recheio da Carne Cremosa com Crosta de Massa Folhada. O modo de preparo é simples, basta dourar a carne com alho e cebola e depois acrescentar a farinha de trigo dissolvida no leite integral MOLICO, e deixar cozinhar. Quando a consistência estiver cremosa, adicione o requeijão cremoso NESTLÉ. Quando o creme estiver pronto, faça uma caminha de massa e espalhe a mistura, cubra com o restante da massa e leve ao forno.
6. Quibe na Travessa com Presunto e Muçarela: nessa receita de quibe assado, o recheio é feito com um camada generosa de queijo muçarela e presunto. Para acompanhar este prato, nada melhor que uma boa salada árabe.
7. Quibe Sírio: a pimenta síria e o pimentão vermelho trazem um sabor mais picante ao prato que acentua um pouco mais a cultura síria nessa receita de quibe. Assim como no quibe assado, essa versão do prato também vai ao forno. O quibe sírio cai bem acompanhado de um fio de azeite.
8. Quibe de Carne com Nozes e Escarola: não dá para falar em cultura árabe sem lembrar das nozes, pois elas são um dos ingredientes mais utilizados no preparo de pratos típicos. Mas, como sempre, não poderíamos deixar de dar o nosso toque à receita. Junto às nozes é adicionada a castanha-do-pará, oleaginosa tipicamente brasileira. E não para por aí! Para ressaltar os sabores, o recheio do prato é finalizado com algumas folhas de escarola.
9. Quibe com Abóbora: a massa do quibe ganha dois ingredientes especiais e muito nutritivos: a abóbora e a aveia. Assim como as receitas de quibe anteriores, o prato é servido assado. Para acompanhá-lo vale apostar em um delicioso tabule fresquinho.
10. Quibe de Carne com Aveia: para complementar a massa do quibe de carne e torná-lo ainda mais nutritivo, essa receita traz alguns ingredientes especiais, como a aveia, a hortelã, a cebola e o alho.
11. Quibe de soja: como os quibes geralmente são feitos com carne, as pessoas que não consomem produtos de origem animal costumam não poder saboreá-lo. Por isso, preparamos essa versão da receita de quibe que substitui a carne pela proteína texturizada de soja. É uma delícia!
12. Quibe de Grão-de-Bico e Cenoura: para quem é vegetariano, mas não gosta de proteína de soja, temos essa receita de quibe com grão-de-bico. O sabor ainda é incrementado por cenoura ralada, suco de limão e folhas de hortelã.
13. Quibe de Quinoa Recheado com Molico: se você gosta de quibe recheado, nós temos essa versão da receita com um delicioso recheio cremoso livre de lactose. Ele é feito com pasta de gergelim, grão-de-bico cozido, alho, pimenta do reino e leite em pó MOLICO zero lactose.

Agora é só escolher a sua receita de quibe favorita e partir para a cozinha. E se você gosta de cozinhar e quer estar sempre por dentro das novidades culinárias, não deixe de acompanhar as publicações no site Receitas Nestlé!


Perguntas frequentes

  • O trigo para quibe contém glúten?

    O triguilho (trigo para quibe) é um tipo de farinha de trigo integral. Sendo assim, ele contém glúten e não é recomendado para pessoas com intolerância.

  •  

    Comer quibe cru faz mal?

    Não! Mas assim como acontece com os peixes, a carne vermelha também apresenta risco de contaminação por bactérias. Por isso, quando for consumir quibe cru, não deixe de se certificar que o local conta com protocolos adequados de higiene e de conservação dos alimentos.

  • Como conservar o quibe cru?

    O quibe cru não pode ser levado à geladeira e nem congelado. O ideal é que ele seja consumido logo após o preparo. Como a massa do quibe cru é a mesma do assado ou frito, caso sobre, você pode fritar ou assar e só assim armazenar na geladeira para comer depois.

pixel