Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.

9 receitas de rabanada para deixar o Natal mais saboroso

Apesar de ser uma comida tipicamente natalina, a rabanada também pode ser consumida em outras épocas do ano. Veja aqui nove receitas.

PUBLICADO: 21/07/2021

Rabanada, um dos pratos que mais remetem ao Natal. Quem não gosta de acordar na manhã do dia 25 de dezembro e saborear as rabanadas que sobraram da ceia? Mas é claro que não se come rabanada apenas no Natal. Essa delícia pode – e deve – ser consumida em qualquer época do ano. Foi pensando nisso que separamos nove receitas especiais para você. Se liga na lista:

1. Rabanada de forno: vamos começar com a mais tradicional das receitas. Pega teu caderninho e anota.

Ingredientes

  • 1 Leite Moça (lata ou caixinha) 395g
  • 1 colher (chá) de essência de baunilha
  • 20 fatias de pão francês amanhecidas
  • 3 ovos bem batidos
  • meia colher (sopa) de açúcar para polvilhar
  • 1 colher (chá) de canela para polvilhar

Modo de preparo

  • Forre uma assadeira retangular (33cm x 20cm) com papel-manteiga e unte com manteiga;
  • Em um recipiente, misture bem o Leite Moça com a água e a essência de baunilha;
  • Passe os pedaços de pão nessa mistura e, em seguida, nos ovos batidos. Escorra e coloque as fatias na assadeira;
  • Leve ao forno médio (180°C), preaquecido, por cerca de 15 minutos, virando na metade do tempo ou até dourarem.
  • Sirva polvilhada com açúcar e canela.

Mais receitas de rabanada

Rabanada Assada de Pão Integral

2. Rabanada Assada de Pão Integral: essa opção é para quem não abre mão de um alimento mais saudável. Nesta receita, temos pão integral passado na mistura de Leite Molico em Pó, açúcar mascavo, mel, raspas de laranja, canela e ovo.
3. Rabanada Café Au Lait: nesta receita, o Nescafé Dolce Gusto Café Au Lait substitui o leite, dando aquele gostinho de café para a sua rabanada. Para servir, polvilhe açúcar misturado com canela.
4. Rabanada Salgada: engana-se quem pensa que rabanada só pode ser doce. Existem também opções salgadas e deliciosas, como essa, que leva creme de leite, leite Ninho e queijo parmesão. Esse prato vai surpreender sua família.
5. Rabanada na Airfryer: a air fryer está aí para facilitar nossa vida, não é mesmo? Essa receita é uma ótima pedida para quem não tem forno em casa.
6. Rabanadas Especiais: essa opção é para você preparar para aquela pessoa especial em sua vida. Com todo amor e sabor ligados a essa rabanada, ninguém resiste.
7. Rabanada com Ninho e Frutas Vermelhas: para quem não dispensa um alimento orgânico, essa é a pedida. Ela é feita com Ninho Orgânico em Pó, açúcar, ovos, pão brioche, manteiga, açúcar e frutas vermelhas: tudo orgânico em seu prato.
8. Rabanada de Negresco Fininho: junte a delícia da rabanada com o sabor irresistível do Negresco e obtenha essa maravilha de prato. Isso sem falar no creme de avelã que vai no recheio. Uma boa dica é: finalize as rabanadas com Chocolate Nestlé Classic Meio Amargo derretido e Biscoito Negresco. As crianças – e os adultos – vão amar.
9. Rabanada com calda quente de chocolate: Para essa receita, use como base a Rabanada de Forno, que explicamos acima. Já para a calda, siga esse passo a passo:

Ingredientes

  • 200g de Chocolate Classic Meio Amargo
  • 2 colheres (sopa) de manteiga
  • 4 colheres (sopa) de água

Modo de preparo

  • Em uma panela, coloque o Chocolate Nestlé Classic, a manteiga e a água, e leve ao fogo baixo, mexendo sempre, até obter uma mistura homogênea;
  • Retire do fogo e coloque sobre as rabanadas.

Dica

Prepare a calda com antecedência, coloque em um recipiente, feche bem e conserve na geladeira. Na hora de servir, é só aquecer em banho-maria ou no micro-ondas.

Seja no Natal ou em qualquer época do ano, você já está munido de opções para preparar a rabanada de que mais gosta. E para ver outras mais de 4 mil receitas, acesse Receitas Nestlé.


Perguntas Frequentes

  • A rabanada só pode ser embebida em leite?

    Não. Pode ser utilizado Leite Moça ou até café, como no caso da Rabanada Café Au Lait.

  • Em que época a rabanada é mais consumida?

    Sem dúvida alguma, no Natal. Podemos inclusive afirmar que ela é uma típica comida natalina.